topo

Qual o esporte certo para o meu filho?

09/11/2020

Brincar, em qualquer faixa etária, já é uma atividade física, que além dos benefícios à saúde, ajuda a diminuir o tempo de exposição às telas e estimula a socialização. Porém, ao falarmos em atividade esportiva, é importante que a modalidade escolhida seja prazerosa para a criança, e que não haja cobranças em excesso por desempenho. Segundo recomendação da OMS, crianças até 11 meses devem ser estimuladas a 30 minutos, de 1 a 4 anos 180 minutos, de 5 a 9 anos 120 minutos de atividades no decorrer do dia (sendo pelo menos 60 min de atividade mais intensa).

De 0 a 2 anos: nesta faixa etária as crianças devem ser estimuladas a ficar na posição prona, engatinhar, rolar, andar, correr, pular, para manter seus corpinhos em movimento. Cantigas de roda e danças são excelentes atividades para expressão corporal. A partir dos 6meses já é possível iniciar aulas de natação, junto com um adulto responsável, atividade que ajuda na interação com o meio e outras pessoas.

De 3 a 4 anos: nesta faixa etária as brincadeiras envolvem andar de bicicleta e patinete, brincadeiras com bola, brincadeiras populares como pular amarelinha, esconde-esconde, cabo de guerra, queimada, morto vivo. Nesta idade já é possível iniciar práticas esportivas de forma essencialmente lúdica como, por exemplo: ballet, surfe, natação, caratê, judô, tênis, atletismo e hipismo.

De 5 a 7 anos: nesta faixa etária já há maior coordenação movimento e olhar, e podemos pensar em atividades como, por exemplo: skate, circo, ginástica artística, capoeira e ioga. É possível iniciar os jogos pré-desportivos, que possuem caráter recreativo, e possibilita treino de movimentos básicos necessários para a modalidade esportiva e treino de habilidades sociais como incentivar o trabalho em equipe.

De 8 a 9 anos: nesta faixa etária é possível a prática de esportes coletivos, que estimulam a socialização e interação, como por exemplo: voleibol, futebol, handebol e basquetebol. Nesta faixa etária as crianças são menos individualistas, e já percebem a sua importância para o bom funcionamento do time, e já entendem o significado de ‘fair play’ (jogar limpo), passando a aplicar esses conceitos em todos os aspectos da vida.

Nossas crianças precisam realizar atividade física e/ou esportiva diariamente! No próximo post falaremos dos esportes para as crianças mais velhas e adolescentes.

Por Fernanda Rocco, Fisiatra e mãe da Helena e do Miguel.

Para conhecer mais o trabalho da Fernanda é só acessar o instagram @drarocco_fisiatria.

postagens anteriores

Banho de Ôfuro

04/12/2020

É uma modalidade de hidroterapia que tem sido bastante utilizada em recém nascidos para proporcionar segurança, relaxamento e...

Ler mais

Intestino: nosso segundo cérebro?

02/12/2020

O intestino é um órgão que faz mais do que “apenas” digerir e absorver os nutrientes e excretar toxinas –...

Ler mais
Olá, precisando de ajuda? Tire suas dúvidas conosco!