topo

O que as crianças precisam saber para aprenderem a ler e como estimular (parte 2)

05/10/2020

A leitura e a escrita são atividades complexas e que não são aprendidas de forma natural. É necessário que os responsáveis pela alfabetização conheçam bem as habilidades que devem ser aprendidas pela criança antes e para que ela seja ensinada a ler e escrever.

Além das habilidades de esquema corporal, lateralidade, orientação espacial, orientação temporal e ritmo, que devem ser estimuladas desde a pré escola e já foram abordadas em outro post (clique aqui para ver), são necessárias as habilidades a seguir:

  • Análise-síntese – É um dos pré requisitos mais importantes para a aprendizagem da língua escrita. A criança deve compreender que cada letra representa um determinado som (correspondência letra (grafema) e som (fonema)). Ao ler uma palavra como “BALA” a criança deve decompô-la em suas partes constituintes (cada som em separado – análise) e recompô-las, unindo as partes ao todo (juntando os sons para formar sílabas, e juntar as sílabas para formar a palavra – síntese). 
  • Coordenação óculo-motora – Implica na completa integração entre a visão e os movimentos do corpo. As crianças que não conseguem coordenar os movimentos da mão com o movimento ocular (pegar e mexer em um objeto se guiando pela visão, por exemplo) terão dificuldades em todas as atividades que envolvam coordenação olho-mão.
  • Percepção visual - É preciso examinar e tratar se há problemas oftalmológicos e treinar habilidades de percepção e discriminação de semelhanças e diferenças, formas e tamanhos, percepção de figura-fundo e memória visual. A ocorrência de falhas na discriminação de figura-fundo e na atenção prejudicarão a decodificação e a memorização correta.
  • Habilidades auditivas – São responsáveis por receber e conduzir informações auditivas ao cérebro para análise e comparação com outras informações e armazenadas na memória. É preciso verificar e tratar se há problemas relacionados à audição (perda de audição ou distúrbio do processamento auditivo). Não captar de forma adequada as estimulações ambientais faz com que o cérebro lide com informações distorcidas, não havendo possibilidade de criar padrões fixos de respostas para as estimulações que são recebidas. É necessário que haja estimulação no nível de discriminação de sons, de figura-fundo (conseguir ouvir de forma separada e alternar a atenção entre dois sons que ocorrem de forma simultânea – exemplo: prestar atenção a uma história enquanto uma música é tocada) e memória auditiva.
  • Linguagem oral – A criança que apresenta dificuldades em pronunciar corretamente as palavras poderá apresentar sérios obstáculos no aprendizado da leitura e escrita. A falta de associação entre os sons que ouve com os movimentos articulatórios necessários à sua reprodução oral também gera dificuldades, pois a criança não consegue associar os sons falados e ouvidos aos movimentos gráficos (letras) que os representam na linguagem escrita.
  • Consciência fonológica – Envolve a capacidade de identificar, isolar, manipular, combinar e segmentar mentalmente, e de forma proposital, por um ato voluntário, os sons da língua (fala). A criança precisa compreender que uma frase pode ser dividida em palavras, as palavras em sílabas e as sílabas em fonemas (som de cada letra).

Para que estas habilidades tenham condições de serem desenvolvidas, precisamos estar atentas ao desenvolvimento psicomotor, capacidade de execução de movimentos, saúde visual e auditiva de nossos filhos. Além disto, podemos ajudar a estimular essas habilidades em nossos filhos através de atividades como as que seguem:

  • Brincadeiras de tiro ao alvo ajudam a estimular a coordenação óculo-motora.
  • Jogo da memória de sons – faça pares de potinhos com diferentes objetos dentro que produzam sons diferentes e peça para a criança achar o pote que faz o mesmo som quando sacudido para trabalhar atenção e discriminação auditivas.
  • Separe algumas figuras conhecidas por seu filho (animais, carro, casa) e escreva em alguns pregadores de madeira cada letra do nome da figura e vá mostrando ao seu filho como se organizam as letras para formar o nome da figura prendendo o pregador de roupa na figura para trabalhar análise-síntese e consciência fonológica.
  • Leia histórias e poesias com rimas e peça para seu filho identificá-las. Para facilitar, você pode brincar de eco. Durante a leitura do texto, diante de palavras que rimam, repita a última sílaba duas ou três vezes imitando o efeito do eco para facilitar a percepção do som da última sílaba das palavras que rimam para trabalhar habilidades auditivas e consciência fonológica.
  • Ao guardar os brinquedos, você pode instruir seu filho a começar pelos brinquedos que possuem alguma característica específica para trabalhar percepção visual e consciência fonológica através de comandos tais como: vamos começar a guardar pelos brinquedos grandes x pequenos, amarelos x azuis, que começam com “a”...
  • Para estimular a percepção de semelhanças e diferenças de sons junto com consciência fonológica, faça jogos de rimas com seu filho. Em casa, costumo dar instruções a meu filho e até corrigi-lo falando de forma rimada. De tanto ouvir isso, agora ele já me responde da mesma forma quando falo com ele usando rimas.

O desenvolvimento destes pré requisitos é fundamental para o sucesso do processo de alfabetização. Até mesmo crianças com desenvolvimento típico podem apresentar dificuldades de aprendizagem de leitura e escrita por não terem estas habilidades bem estimuladas, cabendo aos professores, mas também a nós, mães e pais, ficarmos atentos à estimulação adequada de nossos pequenos.

Por Gisele Silva Corrêa, Neuropsicóloga e mãe do Apolo.

Para conhecer mais o trabalho da Gisele é só acessar o instagram @giseleneuropsicologa

postagens anteriores

Meu bebê está rangendo os dentes! E agora?

30/10/2020

O bebê, durante o seu crescimento, está fazendo muitas descobertas sobre o seu corpo e sobre o mundo. Na época em que os...

Ler mais

Rituais de sono noturno

28/10/2020

Rituais são atividades realizadas sempre na mesma ordem, que irão sinalizar ao bebê que está chegando o momento de...

Ler mais
Olá, precisando de ajuda? Tire suas dúvidas conosco!