topo

Obstrução do Canal Lacrimal

07/12/2020

Vocês já devem ter visto os bebês de até 1 ano quando acordam com os olhos sujos, limpamos e já está sujo novamente?!

Pois é, podemos estar diante de um caso de Obstrução do Canal Lacrimal.

O canal lacrimal é um ducto que drena a lágrima para a cavidade nasal.

A causa mais comum de lacrimejamento do recém-nascido é a obstrução das vias lacrimais. Sua incidência varia de 1,8% a 20% e a causa mais frequente é a imperfuração da membrana do sistema lacrimal. Felizmente cerca de 90% apresentam cura espontânea nos primeiros meses de vida.

É importante ressaltar que os bebês não sentem dor ou incômodo nessas situações.

Sinais comuns são:

  1. Secreção mucopurulenta e até crosta nos cílios
  2. Olhos com excesso de lágrima (olhos marejados ou úmidos) com frequência 
  3. Ausência de irritação e vermelhidão nos olhos

Como diagnosticamos?! 

Através da avaliação pelo exame físico e também pela secreção que reflui dos orifício lacrimais após a compressão do saco lacrimal.

Como diferenciar de conjuntivite? 

Nas conjuntivites além da secreção, os olhos ficam vermelhos e inchados, resultantes do processo infeccioso/inflamatório.

Isso tem tratamento?!

Sim!

Lembrando que na grande maioria, os casos são resolvidos de forma espontânea, ok?! 

Quando persiste, podemos fazer uma massagem para drenar essa secreção através de uma leve compressão do canto dos olhos até o nariz. Essa massagem se chama: Compressão Hidrostática de Crigler.

Esse texto não exclui a avaliação presencial de um médico, combinado?!

Dúvidas?! É só perguntar

Por Camila Maria Barbosa, Pediatra e Gastropediatra.

Para conhecer mais o trabalho da Camila é só acessar o instagram @conexao.pediatria.

postagens anteriores

Como me preparar para a chegada do meu bebê?

10/05/2022

Que a gravidez é um turbilhão de emoções, nós sabemos, mas o que talvez nunca tenhamos parado pra...

Ler mais

Hormônios de Sono

22/09/2021

O sono é uma necessidade do organismo como qualquer outra e tem importantes funções como desenvolvimento cerebral,...

Ler mais
Olá, precisando de ajuda? Tire suas dúvidas conosco!